quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Linha 4 e futuro Autódromo são destaques de 2012

17/12/2012 - Governo RJ, Marcelle Colbert

Comandados pela Secretaria da Casa Civil, projetos receberam investimentos

Avanços nas obras da Linha 4 do metrô, projeto de construção do novo Autódromo Internacional do Rio de Janeiro e melhorias na qualidade de vida da população, com implantação de novas tecnologias e através de ações sociais, estão entre as conquistas da Secretaria da Casa Civil e seus órgãos vinculados em 2012. Uma das mais importantes intervenções comandadas pela pasta foi a Linha 4, que ganhou reforço com a compra do Tatuzão.

A Linha 4, que ligará a Barra da Tijuca a Ipanema e beneficiará mais de 300 mil pessoas por dia a partir de 2016, contará com um equipamento importante para perfurar túneis do metrô de Ipanema à Gávea, sem explosões. O Tunnel Boring Machine (TBM), batizado de Tatuzão, foi entregue este ano na fábrica Herrenknecht - Tunnelling Systems, na Alemanha, e deve chegar ao Brasil em 2013.

– Este é um importante momento para o Rio de Janeiro porque demos um salto nesse grandioso projeto para a cidade, que é a Linha 4. Essa máquina foi construída com uma tecnologia muito avançada, capaz de perfurar dois tipos diferentes de solo: rocha e areia. Graças ao equipamento, será possível escavar todos os túneis do metrô na Zona Sul sem abrir buracos ao longo das ruas. Eles serão construídos por baixo das vias sem impacto na superfície – afirmou o secretário-chefe da Casa Civil, Regis Fichtner.

Este ano, o projeto para transformar o Maracanã em um grande complexo esportivo e de entretenimento deu mais um passo. O Governo do Estado convocou uma audiência pública para discutir o modelo de concessão. O contrato terá
duração de 35 anos.

Detran: super posto será inaugurado em 2013

Ano que vem, o Detran inaugura a primeira Unidade Referência de Serviços (URSD), na Estrada das Canárias. O órgão também adotou medidas para aperfeiçoar seu atendimento e implementou a política de meritocracia. Em 2012, o Proderj (Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio) ajudou na implementação da telemedicina, projeto realizado nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) 24 horas.

Ações sociais melhoram qualidade de vida em comunidades

A ação social em comunidades do Rio também está entre os mais importantes projetos da Secretaria da Casa Civil. Através do Trabalho Social do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), do Escritório de Gerenciamento de Projetos (EGP – Rio), foram realizados programas para assegurar o desenvolvimento socioeconômico, entre eles a realocação de famílias que viviam em locais de risco em condomínios do PAC.

Na Rocinha, o Estado lançou o Plano de Desenvolvimento Sustentável, estudo que guia as ações em educação e infraestrutura na comunidade. O Trabalho Social promoveu ainda outras ações em comunidades como Manguinhos, Alemão e Pavão-Pavãozinho e Cantagalo.

– Queremos usar esse plano de metas como um instrumento para a construção de políticas públicas efetivas, que atendam as demandas reais e específicas da população – disse a coordenadora do Trabalho Social do PAC, Maria Gabriela Bessa, destacando que são realizadas iniciativas em setores como saúde, educação, cultura, esporte, lazer, saneamento ambiental e trabalho e renda.

No Alemão, o Trabalho Social do Estado começou a apoiar, este ano, a reciclagem de óleo vegetal. Além disso, o PAC Social trabalha com a capacitação de moradores de comunidades do Rio, como os cursos de pizzaiolo, no Pavão-Pavãozinho e Cantagalo, e o de móveis de madeira, na Rocinha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário