domingo, 2 de maio de 2010

Ministro das Cidades e secretário de Transportes debatem metas de construção da Linha 4



30/04/2010 - 19h17 - Secretaria de Estado de Transportes

A construção da Linha 4, que vai levar o metrô até a Barra da Tijuca, é prioridade nas agendas de obras dos governos Federal e Estadual. Por orientação do presidente Lula, o ministro das Cidades, Márcio Fortes, se reuniu nesta sexta-feira com o secretário estadual de Transportes, Sebastião Rodrigues, para definir metas da extensão do metrô e coletar novas informações sobre os principais projetos do setor de transportes, com vistas nas Olimpíadas de 2016. Na próxima semana chegará ao Rio a comitiva do COI, que vai checar o andamento geral dos projetos do Estado e da Prefeitura, entre os quais a construção da Linha 4.O secretário Sebastião Rodrigues aproveitou a reunião para explicar ao ministro sobre os benefícios da mudança de trajeto da Linha 4, que deverá atender ao dobro de usuário, passando por Ipanema e Leblon. Também foram discutidas possibilidades da extensão do metrô ser financiada por programas do Governo Federal. A Linha 4 já conta com um investimento de R$ 300 milhões do Governo do Estado para dar início à construção. Segundo os engenheiros responsáveis pela confecção do projeto, a verba é suficiente para o início das obras.
- A chegada do metrô à Barra da Tijuca está, enfim, se tornando realidade. Nosso objetivo é fazer com que este projeto seja viabilizado o quanto antes. Os estudos provam que as mudanças no trajeto original deverão atender a uma parcela bem maior da população, e ainda contribuir substancialmente para o desenvolvimento do turismo. O metrô para a Barra será um dos principais legados das Olimpíadas e fundamental para a mobilidade das pessoas durante os jogos, por isso, estamos ao lado do Governo do Estado nesta empreitada – disse o ministro das Cidades.
O encontro foi importante também para a discussão dos avanços em relação à Linha 3 do metrô, que ligará Niterói a São Gonçalo. O ministro contou que está sendo planejada para o início do mês de maio uma reunião entre o presidente Lula e governadores e prefeitos de regiões que receberão os jogos da Copa do Mundo de 2014. Durante o encontro poderão ser debatidas também aplicações de recursos da União em projetos de mobilidade. O Ministério das Cidades já aprovou o aditivo de R$ 62 milhões para a construção da Linha 3, que conta também com uma verba de R$2 milhões do Governo do Estado.
- É muito satisfatório observar que os frutos do nosso trabalho estão começando a brotar. O Ministério das Cidades é um parceiro fundamental para a viabilização de nossos projetos. Na semana que vem vamos apresentar aos integrantes do Comitê Olímpico parte dos resultados das exigências feitas por eles. Estamos seguros de que os projetos estão avançando dentro do cronograma previsto e que teremos sucesso total na concretização das propostas de melhorias para o campo dos transportes públicos no Rio de Janeiro, que passou por décadas de abando e falta de investimentos – explicou o secretário Sebastião Rodrigues.

Nenhum comentário:

Postar um comentário