terça-feira, 22 de março de 2016

Estações da Linha 4 do Metrô no Leblon estão em fase de acabamento

22/03/2016 - Correio do Brasil

O secretário de Estado de Transportes, Rodrigo Vieira, o subsecretário executivo, Oswaldo Dreux, e a presidente da RioTrilhos, Tatiana Carius, visitaram, na segunda-feira, as futuras estações Jardim de Alah e Antero de Quental, da Linha 4 do Metrô, no Leblon. Ambas estão em fase de acabamento. 

A estação Antero de Quental iniciou os testes dos sistemas operacionais, que ocorrem por etapas. Com a conclusão das duas subestações de energia, sistemas de ventilação, iluminação e acessibilidade, como escadas rolantes, já estão sendo verificados. Os elevadores também estão em montagem. O nível de acesso dos passageiros está praticamente finalizado e, em abril, o painel de azulejos que faz homenagem a surfistas começa a ser montado. Neste andar, as bilheterias também estão prontas. O mezanino da estação está 100% concretado e recebe o piso de granito definitivo. 

Já na estação Jardim de Alah, os trilhos estão sendo instalados na via permanente, por onde os trens vão passar. O mezanino e as plataformas de embarque e desembarque seguem em construção. Os dois acessos de passageiros, localizados nas avenidas Borges de Medeiros e Ataulfo de Paiva, já têm estruturas metálicas instaladas e o piso de granito definitivo está sendo assentado. As salas técnicas e operacionais também seguem o cronograma de evolução. A ventilação definitiva está implantada, bem como a sala de Comando Geral da estação e as duas subestações de energia. 

Linha 4 vai transportar 300 mil pessoas por dia. 

A Linha 4 do Metrô vai unir o Rio, integrar regiões e levar qualidade de vida a milhares de cidadãos. Esta é uma obra do Governo do estado do Rio de Janeiro e vai transportar mais de 300 mil pessoas por dia, retirando das ruas cerca de 2 mil veículos por hora/pico. O projeto representa a execução, de uma só vez, da mesma extensão de metrô subterrâneo existente no estado e é o maior legado em transporte que o Rio de Janeiro, seus habitantes e visitantes ganharão com os Jogos Olímpicos. A Linha 4 terá 15 novos trens, que já circulam em testes com passageiros nas linhas 1 e 2. Com 90% de conclusão das obras, a Linha 4 do Metrô segue dentro do cronograma.


Nenhum comentário:

Postar um comentário