quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Obra da Linha 4 do metrô já reutilizou 200 milhões de litros de água, diz concessionária

Volume é usado na lavagem de caminhões, máquinas e limpeza de canteiros

03/02/2015 - O Globo


Operário limpa a roda do caminhão com a água reaproveitada - Linha 4 do Metrô / Divulgação

RIO — A concessionária responsável pelas obras da Linha 4 do Metrô, que vai ligar Ipanema à Barra da Tijuca, afirma que já reutilizou cerca de 200 milhões de litros de água desde 2011, quando as escavações dos túneis começaram. De acordo com o secretário estadual de Transportes, Carlos Roberto Osório, 100% da água usada é reaproveitada em ações como a lavagem de caminhões, máquinas, limpeza dos canteiros de obra, das ruas no entorno e até das botas usadas por engenheiros e operários. Segundo a concessionária, a quantidade poderia abastecer mais de 18 mil casas por um mês. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), cada pessoa necessita, em média, de 3.300 litros de água por mês para suprir as necessidades de consumo e higiene.

O jumbo, equipamento que faz as perfurações para a colocação de explosivos, gasta em torno de 10 mil litros de água por hora. O volume passa por decantadores e, depois, volta à máquina, para novo uso. Já as estações de tratamento de efluentes reaproveitam cerca de 130 mil litros de água por dia.

Outra ação adotada pela concessionária é a captação da água proveniente dos aparelhos de ar condicionado. As gotas são captadas por um sistema de tubos e usadas para limpar banheiros e pisos das salas administrativas. A estimativa da concessionária é de que 750 litros de água sejam captados pelo sistema no processo. Há ainda a captação de água de chuva.


Caixa decantadora da estação de tratamento de água localizada no túnel de São Conrado - Linha 4 do Metrô / Divulgação
Para Osório, o reaproveitamento da água é "motivo de orgulho num momento em que a sociedade faz esforço para economizar", em referência à crise hídrica enfrentada por estados como Rio e São Paulo.

— É um projeto inovador, com padrão bastante elevado. É referência no uso de água em obras de infraestrutura. A gente espera que possa servir de exemplo para indústrias nesse momento de contingenciamento — afirmou.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/obra-da-linha-4-do-metro-ja-reutilizou-200-milhoes-de-litros-de-agua-diz-concessionaria-15233970#ixzz3QmEYXaA9 
© 1996 - 2015. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário