segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Linha 4 do metrô: túneis entre Gávea e São Conrado são conectados

10/11/2014 - Agência Rio

Da Redação

O governador Luiz Fernando Pezão participou da detonação do último pedaço de rocha do túnel de via 2 (sentido Barra) da Linha 4 do Metrô (Barra da Tijuca - Ipanema). Este trecho localizava-se sob o Morro Dois Irmãos e era o único obstáculo que ainda separava os bairros São Conrado e Gávea.

Com o término desta etapa da escavação, os túneis estarão completamente abertos desde a Barra da Tijuca até o bairro da Gávea. Para chegar à Estação Gávea, que está sendo construída sob o estacionamento da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), faltam apenas 215 metros. A previsão é que o túnel chegue à Estação Gávea até fevereiro de 2015.

Com aproximadamente 16 km de extensão, a Linha 4 do Metrô - uma obra do Governo do Estado do Rio de Janeiro - vai transportar, a partir do primeiro semestre de 2016, mais de 300 mil pessoas por dia retirando das ruas cerca de 2 mil veículos por hora/pico. O projeto é o maior legado em transporte que a população do Rio de Janeiro ganhará com os Jogos Olímpicos.

A nova linha entrará em operação no primeiro semestre de 2016, após passar por uma fase de testes. Será possível ir da Barra a Ipanema em 13 minutos e, da Barra ao Centro, em 34 minutos. Os usuários poderão ainda deslocar-se da Pavuna até Barra da Tijuca, pagando apenas uma tarifa.

Andamento da obra da Linha 4

Ao todo, já foram construídos mais de 9.550 metros de túneis entre a Barra da Tijuca e a Gávea. Já foi concluída a instalação dos trilhos nos cinco quilômetros da via 1 do bitúnel entre Barra e São Conrado, por onde os trens vão passar sentido Zona Sul. Os trilhos agora estão sendo instalados na via 2, que segue no sentido Barra.

As estações São Conrado, Nossa Senhora da Paz e Jardim Oceânico estão 100% escavadas. A obra segue em andamento nas demais estações, assim como na ponte estaiada, a primeira para metrô no Rio de Janeiro, que está sendo construída na Barra da Tijuca. O primeiro dos 15 trens da Linha 4 já foi entregue na China e está sendo trazido para o Brasil, com chegada prevista para dezembro.

Estudos de Expansão da Rede Metroviária

O Plano Diretor Metroviário da Região Metropolitana, cujo objetivo é estabelecer novas diretrizes para a expansão da rede metroviária para os próximos governos, também já se encontra em estudos.

Tal iniciativa do Governo do Estado permitirá traçar a rede metroviária para os próximos 30 anos, visto que todos os projetos atualmente previstos já estão em andamento: a Linha 4 (Barra da Tijuca-Ipanema), que está em execução, e a Linha 3, trecho que ligará Niterói a São Gonçalo/Itaboraí, com previsão de início para os próximos meses.

Além destes, o Estado também lançou licitação para o projeto básico e o licenciamento ambiental do trecho que vai ligar a Gávea, na zona sul, à estação Carioca, no centro, denominado Linha 5, e finaliza estudos para licitação de projetos de outros três trajetos, são eles: Jardim Oceânico – Alvorada - Recreio dos Bandeirantes; estação Uruguai – Engenhão e Estácio – Carioca.

MS

Nenhum comentário:

Postar um comentário