quinta-feira, 2 de junho de 2011

França empresta 500 milhões de euros para linha 4 do metrô do Rio

02/06/2011 - Portal 2014

Agência Francesa do Desenvolvimento (AFD) financiará ampliação entre Ipanema e Barra da Tijuca

Metrô do Rio receberá investimento francês de 500 mi de euros (crédito: Divulgação/Prefeitura )

O governador do estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, obteve nesta quarta-feira o compromisso da Agência Francesa do Desenvolvimento (AFD) de financiar 500 milhões de euros para a construção da linha 4 do metrô da capital, entre Ipanema e Barra da Tijuca.

Cabral participou de diversas reuniões em Paris, entre elas uma com o diretor-geral adjunto da AFD, Didier Mercier, ao término da qual se anunciou o acordo, indicou o Governo de Rio em comunicado.

"A Agência tem esse dinheiro disponível para investir em mobilidade urbana no Rio de Janeiro, um programa muito importante para os Jogos (Olímpicos) de 2016", assinalou Cabral.

O governador destacou a tradição francesa de ajudar países da América Latina e África e mostrou sua satisfação por receber o financiamento de um país "que é um exemplo de mobilidade urbana".

A AFD, que canaliza a ajuda da França a países em desenvolvimento, investe no Brasil desde 2007, com acordos em Santa Catarina e Paraná, com um total de 380 milhões de euros, acrescentou o Governo.

Além deste acordo, Cabral assinou um convênio com a Câmara de Comércio e Indústria de Paris para instalar na capital sedes de duas importantes escolas técnicas francesas - uma para formar pessoal do setor da hotelaria e outra na área de multimídia - com a colaboração da Federação de Indústrias do Estado de Rio de Janeiro (FIRJAN).

Nos próximos dias, as equipes técnicas das secretarias de Ciências e Tecnologia e Cultura da FRIJAN viajarão a Paris para conhecer de perto o funcionamento dessas unidades, precisou.

O governador se reuniu nesta quarta-feira com empresários franceses em um café da manhã de trabalho com participação de empreendedores brasileiros, quando expôs as oportunidades de investimento que há no estado.

Cabral visitou também o centro de design do fabricante de automóveis PSA Peugeot-Citröen.

Na véspera, o governador pronunciou um discurso durante o jantar anual da Câmara de Comércio do Brasil na França, acompanhado da ministra de Economia francesa, Christine Lagarde, e entregou o prêmio "Personalidade do ano" a dois empresários, o presidente de Technip, Thierry Pilenko, e o da companhia aérea TAM, Líbano Barroso.

França é um dos 10 principais destinos das exportações do Rio de Janeiro, que no ano passado vendeu produtos no valor de US$ 395 milhões, segundo os dados de FIRJAN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário